• zuzfisiopilates

Fortalecimento no Pilates Vs. Musculação

Já é muito dito que o Pilates é uma atividade física completa, que melhora a condição física do corpo de diversas formas diferentes. É possível obter ganhos e benefícios em força muscular, flexibilidade, equilíbrio e postura, por os exercícios serem feitos com diferentes demandas posturais, de carga, de uso do corpo durante sua execução e de instabilidade da superfície.


Fortalecimento muscular é um dos principais objetivos de pessoas que buscam realizar uma atividade física. E ele é muito importante para o corpo e a sua dinâmica nas movimentações do cotidiano. Alguns dos seus benefícios são ganho de força, resistência e equilíbrio; proteção das articulações e melhora da condição dos ossos; melhora do condicionamento físico.


Pensando nisso, também é muito comum o questionamento sobre se é melhor procurar uma academia ou um estúdio de Pilates quando se tem o objetivo de ganhar força muscular. E a resposta é aquele velho “depende”. Depende dos objetivos de cada pessoa ao buscar cada tipo de atividade física.



O Pilates leva a maior firmeza dos músculos, enquanto a musculação leva a crescimento (hipertrofia) e definição dos mesmos. Ele fortalece a musculatura de forma global, enquanto a musculação faz isso de forma mais focalizada.


Além disso, o Pilates fortalece diferentes grupos musculares em situações bem diversas, por conta da grande variedade de exercícios. Essa grande variedade também ajuda a inserir dentro dos exercícios de fortalecimento simulações de situações do dia-a-dia que possam ser causadoras de queixa para a pessoa e trabalhar de forma mais focada, enquanto a musculação permite a diminuição de dores pelo próprio ganho de força


No Pilates, o fortalecimento da musculatura mais profunda do nosso corpo, que vem principalmente com os exercícios de maior instabilidade, ajudam a manter/melhorar a postura corporal e o equilíbrio. Há também ganho de flexibilidade, pois parte dos exercícios é realizada em conjunto com alongamentos ou buscando atingir posturas/posições que necessitam grande alcance de braços e/ou pernas. Com a musculatura sendo trabalhada nessas posições, as fibras se alongam e ganham resistência.


E, no Pilates, por os exercícios serem realizados com bastante consciência de respiração e contração de musculatura de core, há também ganho de força em músculos respiratórios, principalmente diafragma, e de períneo/assoalho pélvico.


Ou seja, enquanto a musculação permite ganho de força e massa muscular de forma focada e específica, diminuindo dores e melhorando a condição corporal, o Pilates permite ganho de tonificação muscular, flexibilidade e equilíbrio, assim como a realização de exercícios mais globais e funcionais! Ambas as atividades têm seus próprios benefícios, a escolha vai de acordo com a preferência e necessidade de cada pessoa!



Leia também:
Pilates para Atletas - da reabilitação à performance
Flexibilidade no Pilates - treinar para quê?
Pilates x Musculação

21 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo